Democracia…..

November 9th, 2013 por

Democracia, segundo Rubem Alves “é o melhor sistema político. É o melhor porque nele, ao contrário das ditaduras, é o povo que toma as decisões”. Para ler mais sobre isso, vale ler o texto que resume parte da cartilha desenvolvida pelo autor  para ensinar crianças sobre o tema Democracia conforme Rubem Alves. Assim como tudo que tenho lido dele, sua descrição é absolutamente coerente e livre. Mas claro, certamente não agradará a todos, até porque isso é impossível de se atingir. Aliás, nem Jesus, nem profetas, nem outros grandes símbolos de qualquer religião, seita ou credo conseguiram atingir  unanimidade em suas opiniões e atos. Como poderíamos nós, simples mortais, alcançar a mesma?

Recebi no meu “email” pessoal (Isto sim é democracia. A pessoa que me escreveu, eu nem conheço. Se vivêssemos na “liberdade” de um outro país o qual ao que me parece o colega é afeito, isso seria absolutamente impossível, já que não se teria acesso ao meu email a não ser por  vias escusas) a seguinte mensagem: “Estudei na UFMG, mesma instituição de sua formação e o que aprendi lá, foi o contrário do que vi em seu post “Revolta Matinal… afe, ninguém merece!!!   Seu post no blog me fez imaginar que, por 1 segundo, a senhora valia mais do que um cubano ou outro ser humano, e que isso, seria perfeitamente normal. E isso, me deixou profundamente triste e um pouco mais desesperançoso com a vida e a humanidade, logo a senhora, uma professora…   Fiquei a imaginar como deve ser o preâmbulo e os termos humanitários de sua aula, alguém que em tese, gostaria de ser uma diplomata e hoje é médica, se dispondo a trabalhar com cura, cuidado e saúde.   Também me senti mal, quando no final de seu post, não havia espaço para comentários, claro, acho que a senhora sentiria quase que instantaneamente a raiva, frustração e objetalização que causou aos seus “colegas” cubanos em si mesma.    Sabe, não espero um pedido de desculpas, nem para os brasileiros que infelizmente tiveram o desprazer de ler o seu post, como os cubanos ou os seres humanos, porque a senhora, é só mais uma vítima da desigualdade, rancor, injustiça e deficiência humana que se instalaram em nosso planeta, mas, sinceramente espero, que um dia, possa começar a pensar com mais amor e carinho perante seus irmãos e irmãs.”

Agradeci ao colega, da seguinte forma, por me ter avisado que a página nao estava a permitir comentários (e acho que vai continuar sem permitir, pois eu não consegui descobrir o problema. Acredito que tenha que ver com o tamanho que ficou. Se mais alguém quiser emitir opiniões, peço que o faça em outros posts ou diretamente no meu email pessoal – afinal está na página para isso mesmo): “Obrigada por me ter avisado que o site não está a aceitar “comentários”. Vou ver porque, pois não sou eu que mexe na configuração do mesmo. Realmente, está sem essa opção e vou ter que pedir para o meu filho ver porque, já que não tenho nenhuma intenção de o ver fechado. Sou absolutamente democrática e entendo, que assim como eu sinto uma situação, outros têm o direito de a entender e a expressar diferentemente. Aliás, preservo muito o meu jeito democrático de ser, o que é contrário às imposições que temos recebido ultimamente! Não mudo em nada o que disse, pois ainda que não tenha nada contra os colegas cubanos (aliás, meus amigos cubanos sabem o quanto os tenho ajudado e não preciso ficar a divulgar isso pelo mundo e nem a me vangloriar do que já fiz por eles e por outros ) considero que todos são tão vítimas desta situação que considero hipócrita, como eu ou o povo brasileiro que se veêm usurpados de direitos iguais. Não há definitivamente como sermos tratados de maneira diferente, e a minha revolta é pela maneira diferente como o somos. Aliás, esse é exatamente o ponto do post, eu não disse que queria explodir os colegas, mas sim os burocratas…..mas aí, claro é uma questão de cada um interpretar um texto e, não vou ficar aqui a explicá-lo….está lá!”

Agora, eu é que me pergunto como pode alguém simplesmente interpretar absolutamente de forma equivocada o conteúdo do meu texto e me julgar por isso? Mas enfim, este é o preço da democracia!!! Então, só me resta dizer:

“E viva a democracia, enquanto podermos usufruir dela!!!!! Pois, só assim, poderemos continuar a escrever livremente, ainda que contrários a algumas políticas atuais.”

No fundo, o que me importa é que minha consciência continua absolutamente tranquila em relação à pessoa que sou para com os outros e o mundo! Não preciso justificar nada em relação às acusações, só quero é mesmo igualdade!!!

 

Deixe um Comentário

Seu email não será publicado.

*

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *